Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nosso site.
Ao utilizar nosso site e suas ferramentas, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Orquestra Criança Cidadã - Política de Privacidade

Esta política estabelece como ocorre o tratamento dos dados pessoais dos visitantes dos sites dos projetos gerenciados pela Orquestra Criança Cidadã.

As informações coletadas de usuários ao preencher formulários inclusos neste site serão utilizadas apenas para fins de comunicação de nossas ações.

O presente site utiliza a tecnologia de cookies, através dos quais não é possível identificar diretamente o usuário. Entretanto, a partir deles é possível saber informações mais generalizadas, como geolocalização, navegador utilizado e se o acesso é por desktop ou mobile, além de identificar outras informações sobre hábitos de navegação.

O usuário tem direito a obter, em relação aos dados tratados pelo nosso site, a qualquer momento, a confirmação do armazenamento desses dados.

O consentimento do usuário titular dos dados será fornecido através do próprio site e seus formulários preenchidos.

De acordo com os termos estabelecidos nesta política, a Orquestra Criança Cidadã não divulgará dados pessoais.

Com o objetivo de garantir maior proteção das informações pessoais que estão no banco de dados, a Orquestra Criança Cidadã implementa medidas contra ameaças físicas e técnicas, a fim de proteger todas as informações pessoais para evitar uso e divulgação não autorizados.

fechar
Alunos da Orquestra Criança Cidadã são aprovados em vestibulares de Pernambuco - Orquestra Criança Cidadã

Notícias

Alunos da Orquestra Criança Cidadã são aprovados em vestibulares de Pernambuco

Dez músicos do projeto, contando os Núcleos do Coque e do Ipojuca, são os mais novos calouros de concorridos cursos de universidades públicas do estado

24/05/2023 - Mike Torres

Em mais um motivo para encher a todos da Orquestra Criança Cidadã de muito orgulho, dez de nossos alunos, entre os Núcleos do Coque e do Ipojuca, foram aprovados nos vestibulares da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) e da Universidade de Pernambuco (UPE).

São nove alunos para os cursos de Bacharelado e Licenciatura em Música e uma para o curso de Educação Física. Frutos de um processo de trabalho realizado com muita dedicação por parte de todos os envolvidos, essas aprovações são uma das razões que fazem da OCC um projeto social de sucesso.

Janayna Mendes, professora de Teoria Musical desde a fundação da Orquestra, em 2006, é só sorrisos ao comemorar a conquista dos mais novos universitários. “É inexplicável a alegria e o orgulho de vê-los galgando novos patamares. E a gente sabe que todo o suporte entregue pela OCC os auxilia em relação a isso”, afirma.

Mais de 200 alunos já foram introduzidos ao mundo teórico-musical através dos ensinamentos de “tia Jana”, como é carinhosamente chamada pelos pupilos, dos menores aos mais velhos e os já formados. “Sou suspeita para falar. É uma felicidade que transborda e é fácil perceber quando determinadas coisas mexem com a gente, né? Porque o sorriso vem logo ao rosto. Ontem mesmo eu estava conversando com o maestro José Renato [Accioly, regente titular da Orquestra] sobre como a OCC hoje forma os melhores músicos da região. A Orquestra atualmente é visada pelos professores das universidades, que estão só esperando os nossos alunos chegarem lá. Então, isso para nós é um orgulho fora do comum”, completa a professora.

O violista Luanderson Silva, 22 anos, está na OCC desde 2014, é monitor desde 2020 do Núcleo do Ipojuca e está presente (de novo!) na lista de aprovados. “Meu sentimento é de gratidão e de esperança”, conta o instrumentista. “Essa conquista é uma amostra da esperança de acreditar que através da música a gente consegue romper muitas barreiras: ingressar em cursos superiores, entrar no mercado de trabalho e ter uma perspectiva melhor de um amanhã como profissional. A Orquestra, sem restrição alguma de falar, tem total importância nesse processo de conquista. Os estudos na Orquestra têm nos dado, desde o início da Musicalização até hoje, uma preparação essencial não só para mim, como também para todos os meus colegas que conseguiram ingressar na universidade, tanto no Bacharelado quanto na Licenciatura, que é o foco da Orquestra”, conclui Luanderson, que está sendo aprovado pela segunda vez – em 2020, havia conseguido passar no Bacharelado, mas prestou vestibular novamente, ao decidir trocar de instrumento: de violino para viola.


Confira a lista:

- André Ruan Marques Ribeiro (violino): Licenciatura em Música UFPE
- Bruna Stefani Nascimento da Silva (viola): Bacharelado em Música - Habilitação em Viola UFPE
- Geyphanne Pereira Tiago (violino): Licenciatura em Música UFPE
- Italo Douglas Tavares dos Santos (viola): Bacharelado em Música - Habilitação em Viola UFPE
- Jamesson Batista da Silva Filho (fagote): Bacharelado em Música - Habilitação em Fagote UFPE
- José Berto Alexandre dos Santos (violino): Licenciatura em Música UFPE
- Luanderson Felipe (viola): Bacharelado em Música - Habilitação em Viola UFPE
- Luís Diógenys da Cunha (violino): Bacharelado em Música - Habilitação em Violino UFPE
- Mayara Vitória Oliveira Alves (violoncelo) - Licenciatura em Educação Física UPE
- Singrid Vitória de Sousa Silva (violino): Bacharelado em Música - Habilitação em Violino UFPE

Mais Notícias

Concordo com a política de privacidade da Orquestra Criança Cidadã.

Coordenação de Eventos

Rebeca Santa Cruz

81 9 9403-7296 (WhatsApp)

eventos@orquestracriancacidada.org.br

Coordenação de Comunicação

Carlos Eduardo Amaral

81 9 8831-9700 (WhatsApp)

comunicacao@orquestracriancacidada.org.br

Rua General Estilac Leal, 439, Quartel do Cabanga, Recife, PE, CEP: 50090-450
Orquestra Criança Cidadã © Todos os direitos reservados

CNPJ: 05.994.449/0001-36

TRABALHE CONOSCO

"Onde há música não pode haver maldade" - Miguel de Cervantes

Zaite