Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nosso site.
Ao utilizar nosso site e suas ferramentas, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Orquestra Criança Cidadã - Política de Privacidade

Esta política estabelece como ocorre o tratamento dos dados pessoais dos visitantes dos sites dos projetos gerenciados pela Orquestra Criança Cidadã.

As informações coletadas de usuários ao preencher formulários inclusos neste site serão utilizadas apenas para fins de comunicação de nossas ações.

O presente site utiliza a tecnologia de cookies, através dos quais não é possível identificar diretamente o usuário. Entretanto, a partir deles é possível saber informações mais generalizadas, como geolocalização, navegador utilizado e se o acesso é por desktop ou mobile, além de identificar outras informações sobre hábitos de navegação.

O usuário tem direito a obter, em relação aos dados tratados pelo nosso site, a qualquer momento, a confirmação do armazenamento desses dados.

O consentimento do usuário titular dos dados será fornecido através do próprio site e seus formulários preenchidos.

De acordo com os termos estabelecidos nesta política, a Orquestra Criança Cidadã não divulgará dados pessoais.

Com o objetivo de garantir maior proteção das informações pessoais que estão no banco de dados, a Orquestra Criança Cidadã implementa medidas contra ameaças físicas e técnicas, a fim de proteger todas as informações pessoais para evitar uso e divulgação não autorizados.

fechar
Orquestra Criança Cidadã celebra 17 anos com o maior concerto de sua história - Orquestra Criança Cidadã

Notícias

Orquestra Criança Cidadã celebra 17 anos com o maior concerto de sua história

O Concerto de Aniversário, no próximo 22 de julho, leva Megaorquestra e Grande Coral ao palco da Concha Acústica da UFPE em apresentação gratuita

11/07/2023 - Coordenação de Comunicação

Ao todo, a Orquestra Criança Cidadã atende 400 crianças e adolescentes na Região Metropolitana do Recife. E no próximo dia 22 de julho, às 17h, todos eles estarão sobre o palco da Concha Acústica da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), em uma apresentação inédita e gratuita em comemoração aos 17 anos do projeto.

O Concerto de Aniversário tem a missão de, pela primeira vez, reunir todos os músicos em formação na OCC no mesmo espaço. Na ocasião, alunos e colaboradores dos núcleos do Coque, Ipojuca e Igarassu se juntarão para interpretar um programa formado por músicas clássicas européias e nacionais, além de arranjos de canções populares brasileiras e nordestinas.
Durante o espetáculo, diferentes grupos que compõem a OCC terão seu protagonismo: as orquestras Infantis, as Infantojuvenis, a Jovem e os corais da instituição. E, por fim, o grande destaque da noite: a estreia da Megaorquestra acompanhada de um Grande Coral, com a reunião dos 400 alunos do projeto e de todo o corpo docente.

Com essa formação incomum, a Orquestra espera também transmitir uma nova mensagem ao público. “As pessoas vão poder conhecer a dimensão, a profundidade e a capilaridade de um projeto como esse. Apesar da trabalheira que é montar um evento assim, esse é um esforço de integração e de principalmente humanização do projeto”, analisa José Renato Accioly, maestro titular da OCC desde 2021, Ele ficará responsável por reger a Megaorquestra e o Grande Coral.

“Eu gosto de reunir gente, porque acho que quando a gente reúne as pessoas, invariavelmente sai coisa boa”, comenta, empolgado. A programação é encabeçada por Accioly, e pelo coordenador pedagógico artístico-musical da instituição, Guilherme Teixeira. Junto a eles, o concerto contará com oito regentes no total.

Para o idealizador e coordenador da Orquestra Criança Cidadã, o atual desembargador substituto João José Rocha Targino, a chegada do projeto aos seus 17 anos é uma reafirmação do propósito que inspirou sua fundação. “Essa caminhada, que já ultrapassa uma década e meia, mostra exatamente isso. Ao longo desse tempo, mais de mil jovens passaram pelo projeto e tiveram suas vidas transformadas por força da inclusão social”, analisa. “Temos cumprido nossas metas e esperamos conquistar cada vez mais espaço, acolher mais jovens, formar mais cidadãos – e também músicos profissionais”, projeta Targino.


17 ANOS DE CONQUISTAS
Inaugurada em 2006, a Orquestra Criança Cidadã nasceu de uma iniciativa do juiz João Targino em parceria com o desembargador Nildo Nery dos Santos e o maestro Cussy de Almeida. Hoje é gerida pela Associação Orquestra Criança Cidadã, presidida por Myrna Targino.

A OCC já alcançou o status de maior projeto social de educação musical do estado e atua em três núcleos: Coque, na capital pernambucana, que atende 250 meninos e meninas da comunidade homônima e redondezas; Ipojuca, que trabalha com 120 jovens do distrito de Camela; e Igarassu, que conta com 30 músicos da localidade de Chã de Cruz, na divisa dos municípios de Paudalho e Abreu e Lima.

Outra parte da Orquestra Criança Cidadã é a Escola de Formação de Luthier e Archetier, que repassa aos jovens os ofícios da luteria e da arqueteria, e que estará representada também no evento de aniversário, através de uma miniexposição.

A Orquestra Criança Cidadã é sediada nas instalações do 7° Depósito de Suprimento do Exército Brasileiro, é um projeto realizado com incentivo do Ministério da Cultura, por meio da Lei de Incentivo à Cultura (Lei Rouanet), e que conta com patrocínio máster da Caixa e realização da Funarte e do Governo Federal. Já os núcleos do Ipojuca e da Igarassu da OCC são patrocinados, respectivamente, pela Prefeitura do Ipojuca e pela Ebrasil Epesa.

Mais Notícias

Concordo com a política de privacidade da Orquestra Criança Cidadã.

Coordenação de Eventos

Rebeca Santa Cruz

81 9 9403-7296 (WhatsApp)

eventos@orquestracriancacidada.org.br

Coordenação de Comunicação

Carlos Eduardo Amaral

81 9 8831-9700 (WhatsApp)

comunicacao@orquestracriancacidada.org.br

Rua General Estilac Leal, 439, Quartel do Cabanga, Recife, PE, CEP: 50090-450
Orquestra Criança Cidadã © Todos os direitos reservados

CNPJ: 05.994.449/0001-36

TRABALHE CONOSCO

"Onde há música não pode haver maldade" - Miguel de Cervantes

Zaite